• Home
  • Blog
  • Saiba como preencher a nota fiscal de exportação corretamente

Saiba como preencher a nota fiscal de exportação corretamente

Saiba como preencher a nota fiscal de exportação corretamente

A nota fiscal de exportação é um documento indispensável para o comércio exterior. A sua emissão é obrigatória para todas as empresas e profissionais autônomos ou liberais que comercializam produtos e serviços com outros países.

Isso significa que toda vez que houver uma venda para um importador no exterior é necessário emiti-la.

Continue a leitura deste post para saber sobre sua importância e de como preenchê-la corretamente.

Qual a importância da nota fiscal de exportação?

Com esse documento o Governo Federal é informado sobre quais as mercadorias que estão deixando o país e se os impostos foram recolhidos de acordo com a taxação estabelecida.

Ele é fundamental para garantir a legalidade de uma operação comercial, para comprovar o recolhimento correto dos impostos e aumentar a credibilidade do emissor bem como a confiança do cliente.

Como preenchê-la corretamente?

Como comprovante legal da realização de um negócio comercial, a emissão da nota fiscal de exportação exige o preenchimento de alguns campos. Portanto, atenção redobrada para essa obrigatoriedade. Assim, evita-se a anulação da mesma e a respectiva ilegalidade. Transtorno que é melhor eliminar.

Confira como preencher o documento.

Dados do emitente e do destinatário

Nesse local você preencherá os dados da empresa responsável pela exportação das mercadorias. Nesse campo, devem constar itens como:

  • razão social;
  • CNPJ;
  • inscrição estadual;
  • inscrição municipal e endereço completo.

Preste bastante atenção ao preencher esse campo e evite, inclusive, erros de digitação ou grafia.

CFOP e natureza da operação

Essa é a parte técnica da nota fiscal e também de grande importância, pois é ela que determina se a operação terá a incidência de tributos ou não.

O CFOP é a sigla para Código Fiscal de Operações e Prestações. Este é um número com 4 dígitos que identifica a natureza de circulação de produtos ou prestação de serviço de uma empresa. Esse é outro item muito importante da nota fiscal e que, portanto, não pode haver erro algum.

Dados dos produtos/serviços

Depois de preencher os itens legais da empresa, é o momento de ter atenção ao detalhamento dos produtos ou serviços que estão sendo exportados. As informações essenciais que devem constar nesse documento são:

  • identificação dos produtos e serviços;
  • quantidade;
  • tipo;
  • valor unitário;
  • valor total;
  • peso líquido total;
  • CST;
  • NCM.

Tributação

Empresas brasileiras que exportam seus produtos têm regime de tributação diferenciado, com muitos incentivos fiscais. Por essa razão, não há incidência de tributos como PIS, COFINS, ICMS e IPI.

No campo “dados adicionais” você pode informar o motivo porque tal tributo não está sendo recolhido. Verifique o que a legislação dita especificadamente para cada tipo de produto.

Valor da nota

Esse é um dos campos finais da nota fiscal de exportação. Nele, deve ser informado o valor total das mercadorias e valores adicionais como frete, seguro e outros tipos de despesas acessórias.

Prontinho! A sua nota fiscal de exportação está emitida para o envio do seu produto. Entretanto, é recomendável contar com uma consultoria especializada para realizar as transações envolvendo a exportação de mercadorias da maneira correta. Tranquilidade e segurança para você e sua clientela.

Para sanar dúvidas ou encontrar soluções diversas, que ofereçam o menor custo e a maior eficiência e segurança nos processos de importação e exportação com logística integrada, entre em contato conosco.

Avenida Princesa Isabel, 574, bloco A, sala 208
Centro, Vitória, Espírito Santo, Brasil, CEP.: 29010-360

+55 (27) 3233-0023
+55 (27) 9 9978-7208
portual@portual.com.br